Bella Falconi, essa semana, deu uma declaração que chocou muitas pessoas (incluindo seu marido): que “iria relaxar mais” em sua rotina que era digna de uma bodybuilder.

02-bella-falconi

Bom, Bella disse que refletiu sobre sua rotina em sua viagem de lua de mel, onde comeu “besteiras” por toda ela, não treinou direto e etc. Isso fez com que ela “percebesse” que aquela rotina não à deixava feliz; disse que se sentia “rude” com seus amigos, família e etc., por fazer dietas e ter rotinas tão restritas, e, resultando desses pensamentos, Bella resolveu adotar as seguintes mudanças em sua vida:

– Comer saladas com molhos, sem preocupação

– Comer “besteiras” mais de 1 vez por semana

– Mudar o treino de musculação pesada por um treino funcional, frisando mais a agilidade do que o volume

– Comer normalmente em restaurantes

Ok, vamos lá. A mineira tinha 9% de BF, e agora está com 14%:

fdsaf

Existem muitos que dirão “ah, agora está muito melhor, abdome tão definido para mulher é feio”. Não é isso que estamos discutindo aqui, porra. A questão é, nos olhos de um fisiculturista, para sua vida, ela fez merda, certo? Largou um shape foda, para ter um shape “normal”.

Mas, no entanto, essa mudança só cabe à ela decidir! Ou seja, nossos corações de marombeiro podem estar quebrados pelo desperdício de um shape top, mas temos que aceitar que essa foi sua escolha, e, se ela não aguentou a rotina, se ela prefere viver uma vida “feliz e tranquila” ao invés de uma rotina bodybuilder, que seja assim!

Essa situação me lembra muito à do Scarpelly, que “desistiu de ter um shape tão top” para viver feliz e sem dieta restritiva. Isso foi bastante comentado no Gymcast 03- “Old School’s VS Zyzzetes, onde tratamos de assuntos de preferência de vida, estilo de vida e etc.

Eu acho que cada um faz o que quer, respeito a Bella em qualquer decisão da sua vida, mas (se preparem pra polêmica): não aguenta bebe leite!

 

[Bigos]

(Todos os textos da OSM são ORIGINAIS)

Link do post no Facebook.

 

Facebooktwitteryoutubeinstagram

COMENTE AQUI