Quem foi o tão famoso Zyzz? Aziz Shavershian foi um garoto que viveu na Austrália. Sua fama se deu principalmente por dois fatores: sua evolução e superação, e seus vídeos motivacionais expondo seu estilo de vida.
Seu estilo de vida era O TOTAL CONTRÁRIO do estilo de vida Old School Maromba, ele apoiava o uso de drogas, de bebidas, comidas “lixo” e baladas, justificando que essas eram as únicas formas de “curtir a vida” e “ser feliz”.

Pois bem, vale a pena ressaltar que Zyzz NÃO ERA BODYBUILDER. Sim, ele dava ‘personal’, mas seu shape foi construido para, principalmente, ser reconhecido e querido por mulheres, Zyzz passou parte de sua vida sendo gogoboy (stripper), mais uma vez provando que o esporte (bodybuilding) era sua última preocupação.

Muitos, principalmente hoje em dia, têm ele como um Deus da estética, falam que seu shape era incomparável e tudo mais. Manos, vamos combinar que o cara tinha um shape bacaninha, mas, sinceramente: um cara que chegou à 42 cm de braço no ápice de sua vida merece ser “endeusado” dessa forma? Não estou desmerecendo de forma alguma quem ainda está com 42 cm de braço ou acha isso ideal, mas acho que para alguém ser exemplo, ele tem que ter um shape de destaque, no mínimo.

Outro aspecto que desmerece totalmente sua reputação é o que ele pregava: baladas, drogas, álcool JUNTAMENTE COM ANABOLIZANTES E DIURÉTICOS. Qualquer idiota sabe que essa combinação é pedir pra morrer, né? E o pior, ele pregava tudo isso se achando realmente um Deus e um líder de um movimento, o “legado” que muitos seguem hoje em dia.

Conversa de gente grande agora, pessoal: é sério que tem gente que acha que é certo seguir um legado que vai te levar (com certeza) pra vala? Eu não estou falando mal de quem “curte a vida”, vai pra balada e bebe… que se foda, cada um faz o que quer, mas combinar isso com anabolizante, diuréticos pra ficar “sequinho” e academia? Não dá.

Na minha opinião, Zyzz foi um psicólogo pra muitos, ajudou várias pessoas à sair do sedentarismo, mas fez isso usando de recursos errados. Ele não pode ser, de forma nenhuma, relacionado ao nosso esporte, ao esporte que tanto levamos à sério, por que, além dele fuder muita gente incentivando à fazer merda, vai sujar o nome do bodybuilding.

Último argumento pra provar de vez que esse tal “legado” que ele propunha é totalmente letal e burro: ele morreu em uma sauna antes de 30 anos (existe um vídeo do Jason e do Will Detilli explicando as causas). Vocês, façam o que quiser, mas fica aí a consequência desse ‘legado’ tão maravilhoso.

[Bigos]

Facebooktwitteryoutubeinstagram

COMENTE AQUI